top of page

Dia Internacional da Mulher: Um convite à Reflexão



O Dia Internacional da Mulher não é um dia simplesmente voltado para homenagens às mulheres, mas diz respeito a um convite à reflexão de como a nossa sociedade ainda as tratam, valendo tanto para o campo do convívio afetivo, familiar e social, quanto para as questões relacionadas ao mercado de trabalho.


É um momento de repensar atitudes e tentar construir uma sociedade mais justa, sem desigualdades e preconceitos.


As mulheres nunca tiveram que desempenhar tantos papéis ao mesmo tempo, esposa, mãe, trabalhar fora, etc. Como ser tudo isso ao mesmo tempo?


Talvez se explica pelo fato das mulheres sempre fazerem muitas atividades ao mesmo tempo e estarem preparadas para fazer muito mais, está em sua natureza.


As escolhas pessoais e profissionais as transformam em símbolos de força e luta.


Duas homenagens não poderiam deixar de serem citadas: à Maria, Mulher e Mãe de Jesus, com o seu exemplo de fé, força e silêncio e às nossas mães, avós, etc., mulheres do passado, modelos femininos de força e exemplo em nossas vidas, mulheres que passaram por adversidades, mas conseguiram a superação.


E finalizando, toda a minha admiração à todas as mulheres do planeta e, principalmente às mulheres do Hospital Nossa Senhora da Piedade e UPA, que representam a maioria da força de trabalho no nosso quadro de colaboradores e, mesmo na batalha do dia a dia, não perdem o seu encanto.

 

Cláudia Helena Cavalieri Campanari

é Gerente de Gestão de Pessoas no Hospital Nossa Senhora da Piedade, esposa, mãe e avó.


Atua no Hospital N.S. da Piedade desde 1990, sendo 18 anos como Assistente Social e há 14 anos como Gerente de Gestão de Pessoas.


1 comentário

1 коментар


Naiara Teixeira
Naiara Teixeira
08.03.2022 г.

Parabéns a todas


Харесване
bottom of page